Textos

 
1  2  3  >

Devocional Banco da Fé • 19 de Dezembro

 

Aflições, Mas Sem Ossos Quebrados

 

“Ele lhe guarda todos os seus ossos; nem sequer um deles se quebra” (Salmos 34:20)

 

Pelo contexto, esta promessa é feita para o homem justo e muito aflito: “Muitas são as aflições do justo, mas o Senhor o livra de todas”. Tal homem pode sofrer feridas na pele e lesões na carne, mas nenhum grande dano acontecerá: nem sequer um de seus ossos se quebra.

 

Este é um grande consolo para um aflito filho de Deus, e conforto que eu ouso aceitar; pois até este momento eu não tenho sofrido nenhum dano efetivo a partir das minhas muitas aflições. Eu não perdi a fé, nem a esperança e nem o amor. Não, ao invés de danificar estes ossos do caráter, eles ganharam força e poder. Eu tenho mais conhecimento, mais experiência, mais paciência e mais firmeza do que eu tinha antes que as tribulações viessem. Nem mesmo a minha alegria foi destruída.

Veja mais

Devocional Banco da Fé • 13 de Dezembro

 

Ao Cair da Tarde Haverá Luz

 

“Acontecerá que ao cair da tarde haverá luz.” (Zacarias 14:7)

 

É surpreendente que seja assim; pois todas as coisas indicam que ao cair da tarde será escuro. Deus costuma agir de uma forma muito acima dos nossos medos e além de nossas esperanças, de modo que ficamos maravilhados e somos levados a louvar a Sua graça soberana. Não, não será conosco como nossos corações estão imaginando: a escuridão não se aprofundará à meia-noite, mas, de repente, raiará o dia. Nunca fiquemos desesperados. Nos piores momentos, vamos confiar no Senhor, que transforma a escuridão da sombra da morte em manhã.

Veja mais

Devocional Banco da Fé • 12 de Dezembro

 

Um Coração Quieto

 

“No sossego e na confiança estaria a vossa força...” (Isaías 30:15)

 

É sempre fraqueza nos angustiarmos, nos preocuparmos, questionarmos e desconfiarmos. O que podemos fazer se somos de carne e osso? Podemos ganhar alguma coisa temendo e desfalecendo? Será que não nos tornamos incapacitados para a ação e atrapalhamos as nossas mentes, dificultando uma decisão sábia? Nós afundamos em nossas lutas, quando deveríamos flutuar pela fé.

 

Oh, a graça de sossegar! 

Veja mais

Devocional Banco da Fé • 29 de Novembro

 

Saiba Como Esperar

 

“Aquele que crer não se apresse.” (Isaías 28:16)

 

Tal homem se apressará para guardar os mandamentos do Senhor; mas ele não se apressará em qualquer sentido impaciente ou indevido.

 

Ele não se apressa a fugir, pois ele não será vencido pelo medo que causa pânico. Quando os outros estiverem correndo para lá e para cá, como se o seu juízo lhes houvesse falhado, o crente deve ser tranquilo, calmo e resoluto, e assim deve ser capaz de agir com prudência na hora da aflição.

 

Ele não se apressa em suas expectativas, desejando suas boas coisas imediatamente, mas ele esperará o tempo de Deus. Alguns têm pressa desesperada para ter o pássaro na mão, pois eles consideram a promessa do Senhor como um pássaro no bosque, impossível de pertencer a eles. Os crentes sabem esperar.

Veja mais

Devocional Banco da Fé • 27 de Novembro

 

Descanso em Todas as Circunstâncias

 

“Disse pois: Irá a minha presença contigo para te fazer descansar.” (Êxodo 33:14)

 

Que promessa preciosa! Senhor, faz com que eu me aposse dela como sendo minha.

 

Às vezes, precisamos sair de nossa casa, pois aqui não temos nenhuma cidade permanente. Muitas vezes ocorre que quando nos sentimos mais em casa em um lugar, somos subitamente chamados para longe dali. Aqui está o antídoto para este mal. O próprio Senhor será a nossa companhia. Sua presença, que inclui o Seu favor, Sua comunhão, Seu cuidado e Seu poder, sempre estará conosco em cada uma das nossas peregrinações. Isto significa muito mais do que parece; pois, de fato, isso significa todas as coisas. Se tivermos Deus presente conosco, temos a posse do Céu e da Terra. Venha comigo, Senhor e depois envia-me para onde Tu quiseres!

Veja mais

TEMAS

AUTORES

ARQUIVOS

1  2  3  >

INSCREVA PARA RECEBER
NOSSAS ATUALIZAÇÕES: