E-books

A Sublime Vocação da Maternidade, por Walter J. Chantry

A Sublime Vocação da Maternidade, por Walter J. Chantry




“Mas a mulher... salvar-se-á, porém, dando à luz filhos, se permanecer com modéstia na fé, no amor e na santificação.” (1 Timóteo 2:14-15)

***

Em nossa época terrível, quando o mundo tem pervertido abertamente o que é a feminilidade e desprezado a sublime vocação da maternidade, e mesmo entre a Cristandade há tanta carência de compreensão destes temas à luz da Bíblia, e pouquíssimos bons textos sobre assuntos tão preciosos, este escrito de Walter Chantry é de enorme importância, utilidade, instrução e consolo.

Recomendamos a leitura atenciosa deste breve e instrutivo escrito, repleto de luz verdadeira, bíblica, sobre a real feminilidade e maternidade.

Eis o esboço:

• Nossa geração tem destacado a opressão das mulheres.

• O nosso mundo tem pouca dificuldade em descrever o dilema das mulheres. Mas está completamente enganado quanto à raiz causal deste problema.

• A ESCRITURA FALA

• CRIAÇÃO E QUEDA

Os proponentes dos “direitos das mulheres” empalidecem quando as diretrizes de Deus para as mulheres são lidas, a partir desta passagem: “A mulher aprenda em silêncio, com toda a sujeição. Não permito, porém, que a mulher ensine, nem use de autoridade sobre o marido, mas que esteja em silêncio” (vv. 11-12). “Essa é a causa do sofrimento da mulher”, eles nos dizem, “ela tem sido sujeita ao homem. Temos que ir diretamente à fonte de sofrimento. Libere a mulher da dominação do homem”.

O apóstolo Paulo vigorosamente discorda disto. O problema da mulher não é sua posição social de subordinação ao homem. Este não é problema dela.

O apóstolo Paulo observa primeiro as razões pelas quais é esperada da mulher a plena submissão ao homem:

“Porque primeiro foi formado Adão, depois Eva” (v. 13). O homem existia antes da mulher. A mulher foi tomada do homem. Esta primazia do homem em relação à mulher e a derivação da mulher em relação ao homem não foram detalhes incidentais da criação. Eles aconteceram intencionados para estabelecer a ordem social humana. A mulher foi feita para o homem [Gênesis 2:18]. Ela foi formada para preencher a função de uma auxiliadora idônea para o homem. No Paraíso, Eva encontrou a felicidade perfeita por um tempo em um papel que era o de apoiar o homem, em uma posição social em que era sujeita a ele.

• As dores de uma mulher, portanto, não são a consequência de sua posição social, mas um resultado direto da Queda.

• Quando a mulher abandonou o seu papel de submissão a Adão, e decidiu tomar a questão em suas próprias mãos, a Queda chegou!

• Eva determinou conduzir o homem ao invés de segui-lo. Ela se tornou uma mulher sedutora em vez de uma auxiliadora. Saindo daquele lugar que Deus lhe deu e se rebelando contra a ordem social instituída por Deus, ela trouxe ao mundo — e a feminilidade — à ruína. Ela não é uma miserável vítima inocente das desolações resultantes. A mulher sob a influência de Satanás é a autora de todos elas. Seu inquieto desafio da autoridade do homem está no cerne da calamidade humana!

• A opinião deste mundo é que não deve haver distinção entre homem e mulher na ordem social. Se apenas a mulher fosse emancipada do jugo do homem, o seu sofrimento cessaria! Tal análise acusa a ordem da criação de Deus e Suas diretrizes pós-jardim como os culpados da aflição da mulher. A Palavra de Deus cita exatamente o oposto como a causa do seu problema. Esta não é uma questão meramente acadêmica. A libertação da mulher da opressão e sofrimento depende de encontrar medidas que corrijam a raiz do mal. Se a doença for alimentada em vez de combatida, o seu fim será duplamente terrível.

• A ESPERANÇA DA SALVAÇÃO

• “Mas a mulher... salvar-se-á” (vv. 14-15). Este não é um texto sobre a remissão dos pecados, mas a libertação do sofrimento e opressão relacionados com o pecado. A mulher triunfará sobre a e sairá da miséria e maldição sob a qual ela é mantida pelas forças malignas.

• Mas, como as mulheres salvar-se-ão? Por sua adesão a organizações militantes que exigem direitos iguais aos do homem? Provando que as mulheres podem “atuar” no mundo dos negócios, política, esportes e até mesmo no pastorado? Escapando de casa, onde ela estava sepultada em obscuridade e onde tantos males têm sido perpetrados por maridos abusivos? Nunca! Essa abordagem somente institucionaliza a sua rebelião contra a posição que Deus lhe deu.

• A VERDADEIRA MATERNIDADE

• Uma visão baixa da tarefa da mãe é prejudicial à igreja.

• Nosso mundo expõe seus produtos diante das mulheres... Mas, na realidade, estes muitas vezes revelam-se as bugigangas da Feira das Vaidades.

• O que está envolvido na maternidade?

• UMA SUBLIME VOCAÇÃO

• Se uma mãe piedosa vier a ter sucesso nessa tarefa, ela deve ser uma mulher cheia de fé, amor e santidade. Estes não devem ser ocasionais, mas consistentes qualidades da vida [1 Timóteo 2:15].

• A esperança da mulher, a esperança da Igreja, a esperança do mundo unem-se à maternidade com continuidade em fé, amor e santidade. Mulheres jovens, aqui há um chamado para toda a vida! É o mais elevado em que qualquer mulher pode entrar. Há muito mais nele do que nas imagens mundanas. Leve isso a sério e Deus abençoará a geração vindoura.

•Trabalhe nisso espiritualmente e o Senhor lhe dará a libertação que você deseja. Algum dia as meninas deslumbrantes que deixam seus filhos em uma creche colherão a sua recompensa. Elas vão sentar-se em suas casas de pelúcia segurando fartas contas bancárias e olharão com despeito para a descendência piedosa.

• A maternidade não pode ser um passatempo de meio período. Se você se tornar um insensato, você entristecerá o coração de sua mãe. As mulheres piedosas não vivem para beijos e pequenos presentes agradáveis, mas para que vejam os seus filhos caminhando com o Senhor em justiça. Todas as esperanças de uma mulher piedosa neste mundo estão vinculadas com os filhos de sua maternidade.

• SINAIS DE ESPERANÇA

• Um dos sinais mais encorajadores em nossa época é um número crescente de mulheres jovens que aspiram ser piedosas. Elas são sérias sobre a maternidade. Elas têm ordenado as suas prioridades biblicamente e já demonstram os traços de fé, amor e santidade. Mas elas seguirão sob ataques ferozes.

• Homens jovens, para que sigam ao Senhor plenamente a vossa esposa terá que ser lembrada de que você compartilha a sua perspectiva por agradar a Deus por meio da criação de uma família.

• No devido tempo, mães fiéis terão o selo da bênção de Deus sobre os seus labores.

***

Que Deus seja glorificado e honrado hoje e para sempre! Amém!


INSCREVA PARA RECEBER
NOSSAS ATUALIZAÇÕES: